Tamanho do texto

"Amazing Grace" é o nome do documentário da cantora que foi gravado em uma igreja de Los Angeles

A lendária cantora Aretha Franklin faleceu em agosto e deixou fãs e familiares devastados. Conhecida mundialmente, a rainha do soul continua no coração de todos, e agora uma novidade: um documentário gravado em 1972.

Leia também: Saiu o line up completo do Planeta Atlântida! confira as atrações

Aretha Franklin durante apresentação
shutterstock
Aretha Franklin durante apresentação


A demora de 46 anos para a estreia do filme tem motivo. Uma disputa dos direitos entre os produtores e a cantora gerou diversos problemas, fazendo com que o lançamento sempre fosse adiado. Um acordo só foi feito com os familiares de  Aretha Franklin  depois de sua morte, permitindo que a estreia fosse possível.

O documentário "Amazing Grace" foi filmado na Igreja Batista de New Temple Missionary, em Los Angeles. A captura do filme foi feita enquanto a cantora gravava o disco de mesmo nome em 1972.

Leia também: Spice Girls confirmam turnê no Reino Unido

O produtor Alan Elliot disse à imprensa que quem gosta de Aretha ficará emocionados. "Os fãs de Aretha ficarão cativados por cada momento do filme enquanto seu espírito está presente em cada sequência". 

E as declarações emocionantes não param por aí, Sabrina Owens, sobrinha da cantora, contou que todo precisam assistir "Amazing Grace". "O documentário é  o coração e a alma de Aretha Franklin. Seus admiradores necessitam ver este filme tão puro e alegre."

Sobre Aretha Franklin

Nascida em 1942, no Tennessee, a Rainha do Soul começou cantando música gospel na Igreja de seu pai. Desde cedo a família e os amigos perceberam o talento da cantora, e aos 14 anos ela gravou seu primeiro disco, "Songs Of Faith", ainda no estilo gospel.

Em 1961 a cantora assinou um contrato com a Columbia Records, onde ela trabalharia com John Hammond, responsável por grandes talentos da época como Billie Holiday e Count Basie. Enquanto estava com a Columbia Records, Aretha gravou 9 álbuns, mas nenhum atingiu o grande sucesso que era esperado.

Leia também: Bruninho e Davi lançam "EP Brasília"

O não sucesso fez com que ela assinasse com a Atlantic Records, e lançasse a música "I Never Loved a Man the Way I Love You". A faixa foi parar em primeiro lugar nas maiores rádios de R&B dos Estados Unidos. Desde então a artista começou a ficar cada vez mais conhecida, agora no ritmo de Soul.

Aretha Franklin foi a primeira mulher a entrar para Rock and Roll Hall of Fame. Ela também tem uma estrela na calçada da fama em Hollywood, e sua voz foi considerada um fenômeno natural pelo governo do estado de Michigan. Eleita a 1ª na lista de "Maiores Cantores de Todos os Tempos" pela revista Rolling Stone, Aretha tem reconhecimento no mundo todo, mas principalmente nos Estados Unidos por ser um "símbolo de igualdade racial" e representar a "voz da América negra".


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.