Tamanho do texto

A cantora é a primeira na história da música a ultrapassar a si mesma na Billboard R&B

Bater recordes é algo que Mariah Carey sabe bem. Quando chega o Natal, quem é que não se lembra de "All I Want For Christmas Is You"? A música, que já havia ultrapassado grande parte dos sucessos atuais de outros artistas, levou a própria Mariah com seu álbum "Merry Christmas" a ultrapassar seu último lançamento, "Caution". 

Leia também: Grammy 2019: confira todos os indicados

Mariah Carey durante apresentação natalina
Instagram
Mariah Carey durante apresentação natalina


Na metade de novembro,  Mariah Carey lançou seu 15º álbum de estúdio, "Caution", que chegou levando a cantora ao primeiro lugar na Billboard R&B. Qual não foi a surpresa dela e de seus fãs, quando quem a ultrapassou na colocação foi ela mesma, com seu álbum de Natal de 1994. Ela foi a primeira artista a conseguir isso. 

Para comemorar o acontecimento, a cantora postou um vídeo direto dos bastidores de um de seus shows em Paris onde ela e a equipe cantam "All I Want For Christmas Is You", um dos hinos natalinos mais conhecidos no mundo.

Leia também: Queen anuncia que fará turnê com Adam Lambert como vocalista

Confira:

Visualizar esta foto no Instagram.

Warming up for the holidays 🎶🎄

Uma publicação compartilhada por Mariah Carey (@mariahcarey) em

Se você ficou com saudades de "Merry Christmas", não fique triste. O álbum está disponível no Spotify e pode ser ouvido abaixo:

Leia também: Confira nossa seleção de músicas dos clássicos filmes da Disney

Sobre Mariah Carey

Com quase 50 anos,   Mariah Carey  é uma das divas do pop mais bem-sucedidas do mundo. A cantora entrou na carreira musical em 1990, há quase 30 anos, e nesse tempo lançou 15 álbuns: "Mariah Carey", "Emotions", "Music Box", "Merry Christmas", "Daydream", "Butterfly", "Rainbow", "Glitter", "Charmbracelet", "The Emancipation of Mimi", "E=MC²", "Memoirs of an Imperfect Angel", "Merry Christmas II You", "Me. I Am Mariah... The Elusive Chanteuse" e "Caution".

    Leia tudo sobre:
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas