Tamanho do texto

Um dos grupos de pagodes mais influentes do gênero prepara presentes inéditos para os fãs ainda no primeiro semestre de 2018

Grupo Katinguelê
Divulgação
Grupo Katinguelê

A fama nacional chegou ao grupo Katinguelê em 1996 e, hoje, 22 anos depois, o sucesso continua o mesmo. Com uma formação madura e que sabe exatamente o que o público quer, o grupo ainda causa a mesma emoção de quando tocaram seus maiores sucessos pela primeira vez.

Falando em sucesso, o Katinguelê  ostenta uma lista longa de hits que ocuparam os topos das paradas durante muitos anos: “ Recado à Minha Amada ”, “ Engraçadinha ”, “ Inaraí ”, “ No Compasso do Criador” , entre outros, ainda fluem nas vozes dos fãs, embalando a quem assiste, mas, sobretudo, aos músicos.

Em toda sua trajetória, o grupo sempre reuniu grandes músicos. Porém, a formação atual é, sem dúvida, um show à parte para os fãs: Juninho na voz e banjo, Gui, o membro mais recente e mais jovem da história do grupo, na voz e cavaco, Udi na voz e pandeiro, Téo no coro e percussão geral, Nino no coro e percussão geral e Mário no coro e percussão geral.

Há talento de sobra e os fãs não poderiam estar mais agradecidos pelo resgate da música brasileira de qualidade.

O grupo prepara novidades para 2018

Em comemoração aos 35 anos de carreira, o grupo decidiu dar um belo presente ao seu público fiel. Ainda no primeiro semestre deste ano, o grupo lançará o EP 35 anos, que reunirá os melhores sucessos de 2017 e um single inédito.

Mas uma outra surpresa está reservada para o segundo semestre de 2018: a gravação do DVD acompanhando a turnê 35 anos, produzido pela Hit Music, a empresa responsável por outros nomes de peso da música brasileira como Luan Santana , Henrique e Juliano , Chitãozinho e Xororó , Maiara e Maraisa , entre outros, com participações de nomes consagrados pelo público.

Quando o assunto é a expectativa do grupo em relação ao público e como é o cenário atual do samba, os músicos tem a resposta na ponta da língua.

Referente ao nosso trabalho, a expectativa é a melhor possível. Foram nesses 34 anos que o Katinguelê se consagrou pelo público e fez algumas músicas do grupo se tornarem clássicas, sendo as mais ouvidas. O resgate do samba de raiz como Zeca Pagodinho e Fundo de Quintal com a soma do samba atual, Ferrugem, traz um resultado mesclado e sempre aberto para todo tipo de samba .”

A marca de cerca 8 milhões de discos vendidos ao longo da carreira, o Katinguelê dá suporte à afirmação: a boa música está de volta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.