Tamanho do texto

A ferramenta foi criada após polêmica com o cantor R.Kelly, gerando a hashtag "MuteRKelly" nas redes sociais

Ao ouvir uma playlist, é muito comum encontrar artistas que não gostamos. Para evitar que os ouvintes do Spotify, principalmente os que não são Premium, não tenham que ficar pulando de faixa, a plataforma liberou uma opção: agora é possível mutar/bloquear cantores que não fazem seu tipo musical. 

Leia também: Anitta grava nova versão de "Veneno" e faz cover de Ariana Grande

A criação do "block" para artistas foi feita após uma campanha para retirar o rapper R.Kelly, que está sendo acusado de crimes sexuais, do catálogo do  Spotify . A hashtag #MuteRKelly estava nos Trending Topics do Twitter, e fez com que diversos artistas excluíssem suas músicas em parceria com o cantor. 

A função é para ser usada no mobile, ou seja, no celular. No computador ela não faz muita diferença. Para usá-la, é simples: abra o perfil do artista, vá na parte do menu e clique em "Não toque esse artista". A opção não é permanente e pode ser cancelada a qualquer momento. 

Confira abaixo:

Como mutar artistas no Spotify
Reprodução/Spotify
Como mutar artistas no Spotify



Leia também: Confira as músicas que foram indicadas ao Oscar 2019

Porém isso não quer dizer que o artista bloqueado irá sumir das playlists. Ele continuará lá e as músicas também, a diferença é que as faixas contendo o nome dele, sejam dele ou parcerias, serão puladas. Você ainda pode ouví-las se tiver vontade, mas terá que clicar manualmente para elas serem tocadas.

Polêmica sobre R.Kelly

O rapper R.Kelly foi acusado de crimes sexuais no final de 2018, com o documentário "Surviving R.Kelly" ("Sobrevivendo a R.Kelly"). O cantor responde pelos crimes de estupro, culto sexual, sequestro e mais. Até a filha do artista o chama de monstro. 

O documentário mostra diversas vítimas falando sobre os abusos e suas experiências com o cantor, que não foram nada boas. Muitos cantores (que fizeram parcerias com ele ou não) também se pronunciaram contra R.Kelly. Apesar disso, o músico se declara inocente das acusações. 

Leia também: Morcego famoso de Ozzy Osbourne ganha pelúcia que perde a cabeça

Após as denúncias, R.Kelly sofreu boicotes no  Spotify e em diversas outras redes sociais. Ele foi demitido da gravadora Sony Music e está sendo linchado virtualmente por suas ações. 





    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.